Rio de janeiro
Agenda Inovação Março -   Abril    -     Maio   Avançar Voltar 2019 -   2020 Avançar
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • 01
  • 02
  • 03
  • 04
  • 05
  • 06
  • 07
  • 08
  • 09
  • 10
  • 11
  • 12
  • 13
  • 14
  • 15
  • 16
  • 17
  • 18
  • 19
  • 20
  • 21
  • 22
  • 23
  • 24
  • 25
  • 26
  • 27
  • 28
  • 29
  • 30
  • 31

Enitec

I Enitec

Data Início: 04/07/2002

Local: Centro de Convenções da FIRJAN - Rio de Janeiro

I ENITEC - Encontro Nacional da Inovação Tecnológica para Exportação e Competitividade


4 e 5 de julho de 2002 - Centro de Convenções da FIRJAN - Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro, RJ


A indústria brasileira precisa alcançar um nível de competitividade que lhe propicie disputar com os produtos importados o mercado interno, aumentar rapidamente as exportações e gerar os saldos comerciais de que necessitamos, para reduzir expressivamente o deficit das nossas contas externas, minimizando a vulnerabilidade da nossa economia.

Para alcançarmos esse nível internacional de competitividade , o caminho mais curto e seguro está na contínua incorporação de inovações tecnológicas, de última geração, agregando valor aos nossos produtos. São inovações que não quebram paradigmas, e nem exigem a descoberta de novos conhecimentos, mas significam uma permanente melhora da relação custo/benefício.

E propiciam competitividade, permitem substituição de importações e alavancam as exportações.

Apesar do forte ajuste cambial promovido nestes últimos três anos, as nossas exportações cresceram menos de 10% no período. O país registrou, em 2001, apenas 110 patentes nos Estados Unidos, enquanto países emergentes como Coréia e Taiwan obtiveram 35 e 50 vezes mais, respectivamente. As exportações destes são cerca de três vezes as nossas, com saldos de muitos bilhões de dólares. Enquanto isso, o País pagou, em 2001, mais de 3 bilhões de dólares por licenciamentos das patentes e tecnologias, serviços técnicos e aquisição do software de que as nossas empresas precisam para poder competir , e que poderíamos ter gerado aqui, pelo menos uma parte.

A proposta pró-ativa para essa necessidade foi a criação da Sociedade Brasileira Pró-Inovação Tecnológica - PROTEC, por iniciativa do setor produtivo e por ele inteiramente custeada. Pela primeira vez, reuniu-se uma parcela altamente significativa do PIB brasileiro, representando cerca de 75% da produção industrial do País, para tratar dessa matéria.

O I ENITEC - Encontro Nacional da Inovação Tecnológica para exportação e Competitividade será o fórum criado pela PROTEC para buscar os caminhos apropriados e as prioridades específicas da indústria brasileira tendo em vista atrair recursos não reembolsáveis de incentivos e Fundos Setoriais, para apoiar o esforço de inovação da indústria brasileira.

O I ENITEC foi realizada nos dias 4 e 5 de julho, no Centro de Convenções da FIRJAN. Sua agenda já está estruturada e vai promover o diálogo construtivo entre os diversos órgãos governamentais e as mais expressivas lideranças e personalidades empresariais do País.



Setor: Eventos
E-mail: protec@protec.org.br
Telefone: (21) 3077-0800

Instituições Associadas

ABIFINA
ABIMO
ABINEE
ABIQUIM
ALANAC
FIEMG
IPD FARMA
SEBRAE