Rio de janeiro
Agenda Inovação Junho -   Julho    -     Agosto   Avançar Voltar 2018 -   2019 Avançar
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • 01
  • 02
  • 03
  • 04
  • 05
  • 06
  • 07
  • 08
  • 09
  • 10
  • 11
  • 12
  • 13
  • 14
  • 15
  • 16
  • 17
  • 18
  • 19
  • 20
  • 21
  • 22
  • 23
  • 24
  • 25
  • 26
  • 27
  • 28
  • 29
  • 30
Fármacos e Medicamentos

Notícias

São Paulo vacinou 3 milhões na campanha contra febre amarela, 33% da meta

Apenas 3 milhões de pessoas, cerca de 33% da meta de 9,2 milhões, foram imunizadas desde o início da campanha de vacinação contra febre amarela no estado de São Paulo. Os dados são da Secretaria Estadual da Saúde.

 

Na capital, 1,5 milhão de pessoas já foram vacinadas, das 3,3 milhões que fazem parte do público-alvo da campanha - ou seja, 43,5% da meta já foi alcançada.

 

Segundo o balanço, a região com menor cobertura de vacinação no estado é a Baixada Santista, com 16,4% da meta. No vale do Paraíba e litoral norte, 29,8% da meta foi alcançada.

 

No total, 54 municípios paulistas fazem parte da campanha.

 

“Na nossa opinião, são dois motivos principais [do baixo comparecimento]. O primeiro é o medo da reação. O outro motivo é que ainda temos pessoas achando que a dose fracionada possa ser uma dose fraca” diz a diretora de imunização da Secretaria Estadual da Saúde, Helena Saito. “Não é uma dose fraca”, reafirma.

 

Em Diadema, 39% das pessoas foram imunizadas, o que equivale a cerca de 163.059 pessoas. Em São Bernardo do Campo, a prefeitura usou 102 escolas como postos de saúde. Mas não adiantou. A meta era imunizar 90% da população, mas apenas 37% das pessoas receberam a dose.

 

Uma das poucas exceções é São Caetano. Com a meta de vacinar 90 mil pessoas, 63,5% da meta já foi atingida.

 

Dia 'D'

Para tentar reverter esse baixo índice, 200 postos de saúde vão abrir na capital paulista, inclusive nos três distritos que entraram recentemente na campanha: Campo Grande, Campo Belo e Santo Amaro. As unidades ficarão abertas entre as 8h e as 17h.


Saiba onde tomar a vacina contra a febre amarela em SP

Quem for tomar a vacina devem levar documento com foto e comprovante de endereço, já que a vacina só vai ser aplicada em quem mora ou trabalha na própria região da unidade de saúde.

 

Segundo a Secretaria Estadual da Saúde, a vacinação vai continuar nos postos mesmo depois do término da campanha, que vai até este sábado (17) em algumas cidades e até o dia 24 em outras, como a capital.

 

 

 

(Fonte: G1 – 16/02/2018)

Destaques

Livro Branco da Inovação Tecnológica

Instituições Associadas

ABIFINA
ABIMO
ABINEE
ABIQUIM
ALANAC
FIEMG
IPD FARMA
SEBRAE