Rio de janeiro
Agenda Inovação Junho -   Julho    -     Agosto   Avançar Voltar 2018 -   2019 Avançar
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • 01
  • 02
  • 03
  • 04
  • 05
  • 06
  • 07
  • 08
  • 09
  • 10
  • 11
  • 12
  • 13
  • 14
  • 15
  • 16
  • 17
  • 18
  • 19
  • 20
  • 21
  • 22
  • 23
  • 24
  • 25
  • 26
  • 27
  • 28
  • 29
  • 30
Fármacos e Medicamentos

Notícias

SUS poderá adotar registro de preço em compra de insumos e medicamentos

A aquisição de medicamentos e insumos clínicos e hospitalares descartáveis pelo Sistema Único de Saúde (SUS) poderá adotar o sistema de registro de preços. É o que determina o Projeto de Lei 8510/17, da deputada Norma Ayub (DEM-ES), em tramitação na Câmara dos Deputados.

 

O texto estabelece que as unidades do SUS deverão adquirir os produtos descartáveis em quantidade necessária para 120 dias. A cada mês, serão realizadas compras para reposição do estoque. O prazo de validade dos insumos e medicamentos deverá ser superior a 50% do tempo máximo previsto para sua vida útil.

 

O sistema de registro de preços é previsto na Lei de Licitações (Lei 8.666/93). Por meio dele, o órgão público informa o produto ou serviço que pretende adquirir para as empresas fornecedoras, que cotam o valor. As empresas se comprometem a manter os preços registrados no órgão por um determinado período, e a fornecer as quantidades solicitadas no prazo estabelecido. É uma forma de antecipação das compras, que facilita o planejamento dos gastos e dos estoques.

 

Segundo a deputada Norma Ayub, o projeto visa obrigar o SUS a manter um estoque constante de produtos descartáveis, mediante a compra por registro de preços, evitando prejuízos para a população.

 

Tramitação

O PL 8510/17 será analisado em caráter conclusivo pelas comissões de Seguridade Social e Família; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

 

 

 

(Fonte: Agência Câmara – 26/02/2018)

Destaques

Livro Branco da Inovação Tecnológica

Instituições Associadas

ABIFINA
ABIMO
ABINEE
ABIQUIM
ALANAC
FIEMG
IPD FARMA
SEBRAE