Rio de janeiro
Agenda Inovação Outubro -   Novembro    -     Dezembro Voltar 2018 -   2019 Avançar
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • 01
  • 02
  • 03
  • 04
  • 05
  • 06
  • 07
  • 08
  • 09
  • 10
  • 11
  • 12
  • 13
  • 14
  • 15
  • 16
  • 17
  • 18
  • 19
  • 20
  • 21
  • 22
  • 23
  • 24
  • 25
  • 26
  • 27
  • 28
  • 29
  • 30
  • 31
Patentes

Notícias

Escritórios de PI da América Latina debatem melhores práticas de gestão

Entre os dias 13 e 15 de dezembro, a Organização Mundial da Propriedade Intelectual (OMPI) e o Instituto Nacional de Propiedad Industrial (INAPI) do Chile promovem a “Reunião regional sobre os desafios dos escritórios de propriedade industrial (PI) para o século XXI: políticas de gestão, cooperação, registro e transferência de tecnologia”. O objetivo é incentivar, entre os escritórios de PI da América Latina, o debate sobre as melhores práticas de gestão dos ativos de PI.

 

No primeiro dia, o presidente do INPI, Luiz Otávio Pimentel, apresentou os novos modelos de gestão de recursos humanos do Instituto. O destaque foi o projeto de trabalho remoto, iniciado em agosto de 2016, tendo em sua primeira fase 32 participantes, chegando aos atuais 110. Participam da iniciativa as Diretorias de Marcas e de Patentes, além da Coordenação-Geral de Recursos e Processos Administrativos de Nulidade.

 

A produtividade dos servidores participantes do projeto foi 56% acima da média das metas contratadas. Apenas cinco deles não conseguiram cumprir o pré-requisito de manter a meta 30% superior ao contratado. Boa parte desses servidores afirmou em pesquisa se sentir mais feliz, porém há também aqueles que encontram dificuldades em trabalhar em casa.

 

Diante dos bons resultados do projeto, Pimentel apontou a perspectiva de ampliá-lo, assim como de investir na flexibilização do horário dos chefes, o que poderá ser possibilitado com o uso da rede remota. O trabalho remoto é uma das ações voltadas para o aumento da produtividade do Instituto, com melhoria da qualidade de vida dos seus servidores.

 

Finalizando, o presidente do INPI listou as prioridades para 2018, entre elas melhorar o ambiente de trabalho, aumentar a eficiência operacional, reduzir o tempo de resposta aos pedidos, organizar a entrada no Brasil no Protocolo de Madri e coordenar o Programa Ibero-americano de Propriedade Industrial (IBEPI), do qual assumiu este ano a Presidência e a Secretaria Técnica.

 

Maximiliano Santa Cruz, diretor nacional do INAPI, e Mario Matus, diretor-geral adjunto na OMPI, fizeram a abertura da reunião.

 

Em seguida, Santa Cruz apresentou o tema “qualidade e eficiência na concessão de direitos de PI”, enquanto Miguel Ángel Margáin, diretor-geral do Instituto Mexicano da Propriedade Industrial (IMPI), abordou as novas plataformas de PI.

 

Outro tema importante foi abordado pela OMPI em videoconferência: a questão de gênero no Tratado de Cooperação em Matéria de Patentes (PCT, na sigla em inglês). Segundo pesquisa na base de dados da organização e do Escritório Europeu de Patentes, a participação de mulheres que depositam patentes nos escritórios nacionais cresceu de 2005 para 2014 em vários países, inclusive o Brasil. Além disso, as instituições acadêmicas incluem mais mulheres inventoras nos pedidos do que as empresas privadas.

 

 

 

(Fonte: INPI – 14/12/2017)

Destaques

Livro Branco da Inovação Tecnológica

Instituições Associadas

ABIFINA
ABIMO
ABINEE
ABIQUIM
ALANAC
FIEMG
IPD FARMA
SEBRAE