Rio de janeiro
Agenda Inovação Outubro -   Novembro    -     Dezembro Voltar 2018 -   2019 Avançar
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • 01
  • 02
  • 03
  • 04
  • 05
  • 06
  • 07
  • 08
  • 09
  • 10
  • 11
  • 12
  • 13
  • 14
  • 15
  • 16
  • 17
  • 18
  • 19
  • 20
  • 21
  • 22
  • 23
  • 24
  • 25
  • 26
  • 27
  • 28
  • 29
  • 30
  • 31
Patentes

Notícias

INPI discute temas de Propriedade Industrial com a Firjan

O presidente do INPI, Luiz Otávio Pimentel, participou de reunião, no dia 15 de março, com o presidente da Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan), Eduardo Eugênio Gouvêa Vieira, na sede da entidade. O encontro tratou de temas relativos à Propriedade Industrial.

 

O presidente do INPI esteve acompanhado pela Chefe de Gabinete, Ana Paula Pinto; pelo diretor executivo, Mauro Maia; pelo diretor de Patentes, Programas de Computador e Topografia de Circuitos Integrados, Júlio César Moreira; pelo diretor de Marcas, Desenhos Industriais e Indicações Geográficas, André Balloussier; pelo diretor de Administração, Jorge Maximiano; e pelo coordenador-geral de Disseminação para Inovação, Felipe Melo.

 

Durante a reunião, o presidente apresentou os dados do INPI no ano passado, com aumento na produção e queda no estoque de pedidos aguardando exame, conforme publicado no Relatório de Atividades 2017.

 

Apesar da queda no estoque, Pimentel lembrou que o backlog de patentes ainda é grande (mais de 225 mil pedidos em 2017) e que, na média, o tempo até a decisão final está em cerca de 10 anos a partir do depósito. Por isso, o INPI e o Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC) fizeram a proposta para criar um procedimento simplificado de deferimento de pedidos de patentes, que está em análise na Casa Civil da Presidência da República. O presidente da Firjan afirmou que a entidade apoia a proposta.

 

O procedimento simplificado implica na concessão das patentes que estão na fila (exceto no setor farmacêutico), mas também permite que o próprio requerente da patente solicite o exame ou que qualquer interessado apresente subsídios para que um pedido seja examinado.

 

O presidente do INPI abordou ainda a questão da autonomia financeira do Instituto, lembrando que existem projetos de lei em tramitação no Congresso Nacional sobre o tema. Este tópico também conta com apoio da Firjan, como destacou Eduardo Eugênio Gouvêa Vieira.

 

Também foi debatida a importância de melhorar o plano de carreira e valorizar os servidores do Instituto, pleito que vem sendo defendido pelo INPI e pelo MDIC junto ao Governo Federal.

 

Outro tema discutido foi o Protocolo de Madri, que permitirá aos empresários brasileiros proteger sua marca em vários países. Quanto a isso, o presidente do INPI destacou que o Instituto está reduzindo os prazos de exame e, ainda este ano, chegará à média de 18 meses, que permitirá a adesão brasileira ao Protocolo, já enviado pelo Governo Federal ao Congresso Nacional.

 

 

 

(Fonte: INPI – 15/03/2018)

Destaques

Livro Branco da Inovação Tecnológica

Instituições Associadas

ABIFINA
ABIMO
ABINEE
ABIQUIM
ALANAC
FIEMG
IPD FARMA
SEBRAE