Rio de janeiro
Agenda Inovação Outubro -   Novembro    -     Dezembro Voltar 2017 -   2018 Avançar
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • 01
  • 02
  • 03
  • 04
  • 05
  • 06
  • 07
  • 08
  • 09
  • 10
  • 11
  • 12
  • 13
  • 14
  • 15
  • 16
  • 17
  • 18
  • 19
  • 20
  • 21
  • 22
  • 23
  • 24
  • 25
  • 26
  • 27
  • 28
  • 29
  • 30
  • 31
Políticas Públicas e Economia

Notícias - Políticas Públicas e Economia

Abinee repudia decisão do governo de reduzir índices de conteúdo local

A Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee) enviou nota à imprensa na qual diz que repudia a decisão do governo de reduzir os índices de conteúdo local. Para a entidade, que representa o setor eletroeletrônico fornecedor do segmento de petróleo e gás, a medida terá impacto sobre a capacidade produtiva e a geração de empregos no País.

 

A Abinee integra o Movimento Produz, ao lado de 14 entidades que representam cerca de 200 mil empresas e milhões de trabalhadores. Esse movimento foi criado com o objetivo de atuar na retomada do crescimento econômico e na recuperação da atividade industrial.

 

Conforme a nota, os representantes da indústria reivindicam que os índices de conteúdo local segreguem bens de serviços e que sejam condizentes com a capacidade produtiva do País, "que já acumulou experiência e tecnologia suficientes para atender o mercado de petróleo dentro dos padrões internacionais".

 

A nota diz ainda que "políticas públicas não podem ser boas apenas para um grupo de meia dúzia de empresas petrolíferas e prejudicar todo o País".

 

"A grave situação pela qual passa a Petrobras e, por extensão, o setor de petróleo e gás como um todo, não se originou na política de conteúdo local. A razão é de conhecimento público e alvo de investigações veiculadas dia após dia nos meios de comunicação", diz a nota da Abinee.

 

A Abinee representa a indústria elétrica e eletrônica, congregando cerca de 500 empresas nacionais e estrangeiras, que empregam aproximadamente 235 mil pessoas.

 

 

 

(Fonte: Portos e Navios – 06/03/2017)

Destaques

Livro Branco da Inovação Tecnológica

Inova Talentos

Instituições Associadas

ABIFINA
ABIMO
ABINEE
ABIQUIM
ALANAC
FIEMG
IPD FARMA
SEBRAE