Rio de janeiro
Agenda Inovação Junho -   Julho    -     Agosto   Avançar Voltar 2018 -   2019 Avançar
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • D
  • S
  • T
  • Q
  • Q
  • S
  • S
  • 01
  • 02
  • 03
  • 04
  • 05
  • 06
  • 07
  • 08
  • 09
  • 10
  • 11
  • 12
  • 13
  • 14
  • 15
  • 16
  • 17
  • 18
  • 19
  • 20
  • 21
  • 22
  • 23
  • 24
  • 25
  • 26
  • 27
  • 28
  • 29
  • 30
Políticas Públicas e Economia

Notícias - Políticas Públicas e Economia

Comércio exterior do G20 cresce pelo oitavo trimestre consecutivo

O comércio exterior das potências do G20 cresceu pelo oitavo trimestre consecutivo entre janeiro e março de 2018, até alcançar seu maior nível nos dois últimos anos, indicou nesta terça-feira a Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE).

 

As exportações cresceram 5,3%, quase o dobro com relação ao último trimestre de 2017, quando subiram 2,7%, enquanto as importações subiram até 5,8%, frente aos 3% do trimestre anterior.

 

A OCDE destacou em comunicado que o comércio apresentou um crescimento sólido no Brasil (+13,4% para as exportações e +7,8% para as importações), na Rússia (+12,8% e 6,4%, respectivamente), na Argentina (+12,7% e +2,7%) e na Austrália (+11,3% e +6,1%).

 

Menos chamativas, mas igualmente importantes foram as exportações da China e da Coreia do Sul, com 9,5% e 7,6%, respectivamente, e fortes importações de 13,7% (a maior do grupo) na China e de 10,8% na Coreia do Sul (a terceira, atrás da África do Sul, com 13,5%).

 

Os aumentos foram mais moderados nas economias do G7: no Reino Unido as exportações cresceram 5,5% (4,2% as importações), na Alemanha (+4,6% e 4,6%) e na Itália (3,3% e 3,9%).

 

França e Estados Unidos ficaram em 2,7% e 2,6% nas suas exportações, respectivamente (+4,1% e +3,3% em importações), à frente do Canadá (+1,2% e +2,7%), enquanto o Japão teve avanços respectivos de 2,6 e de 4,6%.

 

Por outro lado, as exportações contraíram na Índia (3,8%), na Indonésia (1,1%) e na Turquia (0,5%), enquanto suas importações subiram 3,6%, 1,3% e 1,1%, respectivamente.

 

A organização destacou que todas as economias do G20 registaram crescimentos positivos nas importações, destacando o valor da China (13,7%), da África do Sul (13,5%), da Coreia (10,8%), do Brasil (7,8%), da Rússia (6,4%) e da Austrália (6,1%).

 

 

 

(Fonte: Exame – 29/05/2018)

Destaques

Livro Branco da Inovação Tecnológica

Instituições Associadas

ABIFINA
ABIMO
ABINEE
ABIQUIM
ALANAC
FIEMG
IPD FARMA
SEBRAE